China: Direções Globais de Investimentos (2018)

Em 2016, a China foi superada apenas pelos Estados Unidos em volume de investimentos diretos realizados no exterior. No Brasil essa tendência também se reflete, tendo o investimento chinês apresentado forte crescimento nos últimos anos, em especial nos setores de energia, infraestrutura, transporte, agricultura e TICs.

Nesse sentido, a presente publicação, elaborada em parceria entre a Apex-Brasil, o Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e o Instituto de Estudos Brasil-China (IBRACH), busca compreender as características, tendências e motivações do IED chinês no mundo e no Brasil de forma a subsidiar os formuladores e executores da política de atração de investimentos do Brasil.

Acesse a Publicação