Demographic Aging, Industrial Policy, and Chinese Economic Growth

Michael Dotsey ; Wenli Li ; Fang Yang (Federal Reserve Bank of Philadelphia)

Neste artigo foram examinados o papel da demografia e as políticas industriais em processos de mudança para explicar o rápido aumento da poupança das famílias e o crescimento do PIB per capita na China desde meados da década de 1970.

As mudanças demográficas vêm de reduções na taxa de fertilidade e aumento da expectativa de vida, enquanto as políticas industriais assumem diversas formas. Essas políticas impulsionaram importantes mudanças estruturais; primeiro beneficiando as empresas privadas de mão-de-obra intensiva, incentivando-as a aumentar sua participação no mercado e, posteriormente, beneficiando as empresas intensivas em capital, resultando em uma parcela crescente do capital dedicado às indústrias pesadas.

Esta análise foi conduzida em uma economia de equilíbrio geral que também apresenta investimento de capital humano endógeno. Há um calibre do modelo para coincidir com as principais variáveis econômicas da economia chinesa e é apresentado que as mudanças demográficas e as políticas industriais contribuíram para o aumento da poupança e do crescimento do PIB, mas com diferentes intensidades e em diferentes horizontes. Demonstra-se ainda a importância do investimento em capital humano na contabilização do crescimento econômico na China.

Acesse a Publicação