quinta-feira, julho 9, 2020
BBC Brasil | Fusões e aquisições: Outra mudança se deu em relação ao modo de ingresso das companhias chinesas no Brasil, assinala Tulio Cariello, coordenador de pesquisa e análise do CEBC. Desde 2014, a China vem optando por operações fundamentadas...
Valor Econômico | Os investimentos chineses confirmados no Brasil somaram no ano passado US$ 7,45 bilhões, valor quatro vezes maior que em 2014 (US$ 1,73 bilhão), segundo levantamento do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) que será divulgado hoje. Os investimentos...
El País | Apreensões alarmistas de setores mais conservadores têm apontado motivos para se preocupar com a entrada dos investimentos chineses no Brasil. Na verdade, não há razões para isso. A ascensão da China como potência global é inevitável, sendo impossível...
Diário Comércio Indústria & Serviços | O coordenador de análise e pesquisa do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC), Tulio Cariello afirma que é crescente o interesse dos chineses nos projetos de geração e transmissão de energia e de logística. No...
Xinhua | O analista lembra outro aspecto: o da composição atual do PIB e das oportunidades que se apresentam ao Brasil. O consumo é central neste aspecto. Também segundo o presidente chinês, ao falar na terça-feira, de 2013 a 2016,...
Jornal do Comércio (RS) | Tulio Cariello, coordenador de pesquisas do CEBC, acredita que não há mudança significativa para a relação sino-brasileira no curto prazo. ‘A China deve continuar importando basicamente produtos do agronegócio, recursos naturais e petróleo, que são...
Revista China Hoje | O Brasil não deveria ver – como de fato não vê – a presença da China na América Latina como uma ameaça. Ao contrário, a China é nossa maior compradora de produtos e mercadorias e sem...

Uma carona para o desenvolvimento

Diário de Pernambuco | De acordo com Tulio Cariello, coordenador do CEBC, há inúmeras áreas que poderiam se beneficiar com a chegada de investimentos em Pernambuco e no Nordeste. ‘Projetos de investimento na área de infraestrutura, sobretudo no que diz...
Zero Hora (RS) | Creio que o grande problema é, na verdade, a assimetria de poder entre os dois países. A China é quem dita o compasso das relações com o Brasil, que, por sua vez, deveria ter um papel...
O GLOBO | São Paulo - O investimento chinês, que até alguns anos atrás estava focado em grandes projetos de energia, petróleo e agronegócios, está chegando ao cotidiano dos brasileiros. Os asiáticos, que investiram quase US$ 60...