Imprensa

Notícias veiculadas sobre o CEBC.

Estudo mapeia oportunidades para o Brasil na China

Data: 27/02/2015
Valor Econômico

Café e calçado têm lugar em mercado chinês

Data: 27/02/2015
DCI

- Existe potencial para pequenas e médias empresas dos setores de calçados e café aumentarem exportações para a China. Mas para que isso vire realidade, é preciso diminuir as desvantagens tarifárias do Brasil. PÁGINA 5

Setor de carnes tem maior potencial para elevar vendas do país à China, diz CEBC

Data: 26/02/2015
Diário de Pernambuco

Agência Estado


O setor de carnes (bovina, frango e suínos) nacional é o que apresenta o maior potencial para estimular vendas ao mercado chinês. Segundo André Soares, executivo do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e um dos autores do estudo "Oportunidades de Comércio e Investimento na China para setores Selecionados", em carne bovina, por exemplo, é possível dobrar o valor no comércio bilateral entre os países.

"O problema é que temos que superar a questão burocrática da habilitação de unidades aptas a exportar ao país, além de aumentar as parcerias em...

Setor de carnes tem maior potencial para elevar vendas do País à China, diz CEBC

Data: 26/02/2015
Folha Vitória

São Paulo - O setor de carnes (bovina, frango e suínos) nacional é o que apresenta o maior potencial para estimular vendas ao mercado chinês. Segundo André Soares, executivo do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e um dos autores do estudo "Oportunidades de Comércio e Investimento na China para setores Selecionados", em carne bovina, por exemplo, é possível dobrar o valor no comércio bilateral entre os países.

"O problema é que temos que superar a questão burocrática da habilitação de unidades aptas a exportar ao país, além de aumentar as parcerias em...

Exportações do Rio Grande do Sul sofrem queda de 10,5% em janeiro

Data: 26/02/2015
Jornal do Comercio RS

Apesar do volume exportado subir 4,4%, valor das vendas teve redução de US$ 113,7 milhões
Júlia Lewgoy

De um lado da balança, a indústria afundou. De outro, puxado pelo trigo, o agronegócio subiu. O resultado final das exportações gaúchas em janeiro foi de queda em relação ao mesmo mês do ano anterior. Apesar de registrar redução menor que o Brasil e permanecer como o quarto maior estado exportador do País, o Rio Grande do Sul enfrenta um cenário de pouco ânimo em suas exportações. Em janeiro, as vendas internacionais gaúchas reduziram US$ 113,7...

Páginas

Fuso

Câmbio

Fale com as Embaixadas:

Informações Uteis